Fora de Expediente

Fora de Expediente

Antonio Claudio Bontorim
Redação
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

“Disinquilibrado”
Os jornalistas de Limeira são “disinquilibrados” de acordo com o vereador Ceará (Republicanos). Tudo por que ele não concorda com as críticas feitas à Câmara.

“Disinquilíbrio…”
Como a coluna Fora de Expediente já mostrou outras vezes, Ceará precisa aprender a ser vereador. O discurso dele na sessão da última segunda-feira, 23, mostrou isso mais uma vez.

Entendeu, será?
Ceará reclamou das críticas, como se jornalistas não tivessem direito a criticar. Tratou os profissionais como vagabundos… Mereceria até uma ação na Justiça, mas não é preciso dar palanque a ele. Ele vota como quiser e os jornalistas criticam como querem!

Teoria vai ajudar
É a democracia, vereador Ceará! Você falou tanto em democracia e, então, estude um pouco e entenda melhor a democracia.

Só para um lado??
A mesma democracia citada pelo vereador e presidente da Casa, Lemão da Jeová Rafá (PSC), que em seguida não foi nada democrático ao rejeitar questão de ordem da vereadora Isabelly Carvalho (PT).

Medo da mordida
Lemão teve o desplante de dizer que jornalista que é dono de jornal não tem o direito de opinar ou criticar. Aí entornou o caldo de vez. Só que ambos, tanto Ceará quanto ele, não têm coragem de citar os nomes dos jornalistas. Não tenham medo, não! Jornalista critica, mas não morde, nobres edis.

Cabecinha doida
É fácil perceber quando um discurso é encomendado. Não dá nem para disfarçar.

Democracia é isso
Precisou o vereador Dr. Julio (União Brasil), pedir espaço da liderança do bloco, para Isabelly poder falar, coisa que o presidente da Casa, Lemão da Jeová Rafá não permitiu.

Lição bem dada
Durante sua fala, a vereadora petista pediu desculpas públicas pelas ofensas proferidas contra os jornalistas e sindicalistas, pelo vereador republicano e endossadas pelo presidente da Câmara.

Ninguém piou mais
Ao terminar, Lemão deu continuidade à sessão sem dar um pio. Aliás, notou-se, um verdadeiro clima de ‘cala-boca’ após a fala de Isabelly. É a democracia. Quem fala o que quer, ouve também o que não quer.

Ler é sempre bom
E aprender é melhor ainda! Então, a sugestão aos doutos em democracia da Câmara de Vereadores, é um livro de 1974. “Da democracia que temos para a democracia que queremos”, do ex-governador paulista André Franco Montoro.

A grande família
Não, não é a série de grande sucesso na TV brasileira, exibida e reexibida pela TV Globo. Trata-se da grande família que não para de ser assunto nos meios judiciais do Estado de SP e de Limeira. Uma verdadeira “famíglia”….

‘Tutto cosa nostra’
Sobre essa série, que vem desde 2012 frequentando os tribunais de justiça, a Tribuna de Limeira traz, nesta edição, matéria completa e explicativa. De autoria do jornalista Felipe Voigt, do Blog do Ogro.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*