INÍCIO DE TUDO: Livro conta a história da indústria joalheira

INÍCIO DE TUDO: Livro conta a história da indústria joalheira

Das atividades iniciais ao título de Capital Nacional da Joia Folheada

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

E tem livro novo do pesquisador e historiador limeirense José Eduardo Heflinger Júnior na praça. E foi o próprio autor quem falou dessa nova obra, em visita à Redação da Tribuna de Limeira, na quarta-feira, 1º. Trata-se, de acordo com ele, de um projeto ousado e de fôlego, ou seja, contar a história da indústria de joias em Limeira. E a iniciativa, conforme Heflinger Júnior, partiu do empresário Wilson Antiqueira Dantas, da Realen Folheados, Indústria, Comércio e Exportação Ltda. “Com o apoio de seu sócio, José Araújo de Oliveira, Wilson me convidou para desenvolver o projeto e o resultado está no Limeira – A Capital Nacional da Joia Folheada – Volume I”, falou o historiador e pesquisador.
Trata-se de um luxuoso volume bilíngue, com tradução de Irene Sinnecker, com 392 páginas, cerca de 300 imagens, capa dura e box. “É um documento histórico muito valioso”, disse Heflinger Jr a Tribuna, que prosseguiu: “confesso que não tinha ideia da grandeza do polo de bijuterias e folheados instalado em Limeira e que teve origem nos anos 1930. E acredito que muita gente não tenha conhecimento da importância do segmento para a cidade”.  O pesquisador conta que começou a pesquisa há um ano e meio, entrevistou dezenas de pessoas do ramo, levantando imagens, fotos, documentos e agora o resultado, o primeiro volume desta história ao alcance de todos os interessados.
Segundo o historiador, a ideia para o título foi do empresário limeirense do setor, Rodolpho Mereb Júnior. Já a obra traça um panorama das principais empresas do setor ao longo dos anos, criando um amplo painel de desde seu início até os dias de hoje. O livro Limeira – Capital Nacional da Joia Folheada – Volume I já sendo lançado e comercializado e poderá ser adquirido por R$ 100,00 na Banca IV Centenário da Praça Toledo Barros e pelo disk-livro (19) 996432855 (WhatsApp) e também pelo e-mail imigracao.resgate@hotmail.com.
Heflinger Jr. encerrou a conversa, lembrando-se de uma afirmação do empresário Wilson Dantas: “apesar das dificuldades e da concorrência protagonizada pelos chineses, vejo o futuro da indústria de joias no Brasil e em especial em Limeira com bons olhos e isso depende também de uma união ainda maior dos empresários”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*