RENÚNCIA: Galo deve ter novas eleições

RENÚNCIA: Galo deve ter novas eleições

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

Robson Sillmann e Felipe Guisellini não são mais presidente e vice-presidente, respectivamente, do Independente FC, o Galo da Vila. Ambos renunciaram aos cargos e novas eleições gerais devem ser marcadas. A informação foi passada à Tribuna de Limeira pelo vice-presidente galista, que confirmou a renúncia de ambos por “motivos particulares”.
O Galo, que disputava a Série B do Paulista foi eliminado na última quarta-feira, 25, no Pradão, para o Oswaldo Cruz e, com a derrota, encerrou as atividades esportivas neste ano de 2020. Guisellini afirmou à Tribuna, que com a renúncia novas eleições deverão ser marcadas, para que uma nova diretoria seja constituída para o ano de 2021/2022. Ao longo do período quem estiveram à frente do Galo, ambos tiveram como maior mérito resolver o problema das atas do clube, depois de dez anos emperrada à espera de registro em cartório.
Como o presidente do Conselho, Lucas Moraes, havia renunciado também há algumas semanas, o Galo está com um presidente “ad hoc”, que é Mario César Rodrigues, o Marinho, que é quem vai ter que chamar, até o final do ano, uma reunião, para eleição do novo presidente efetivo, para que esse presidente convoque uma reunião para a eleição da nova Diretoria Executiva do clube.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*