NA PROPORCIONAL: Caminhão do Vinho pode chegar à Câmara

NA PROPORCIONAL: Caminhão do Vinho pode chegar à Câmara

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

Entre os mais de 500 candidatos a vereador, em Limeira, 535 por enquanto, a insistência nos apelidos – cada um escolhe o nome que quer, é evidente – mantém a tradição de anos anteriores. Muitos já conhecidos e até outros que já foram vereadores em outras legislaturas, mas sempre aparece um apelido novo. Entre o Do Gás, Da Escola, Do Ovo, os Cabeleireiros e Açougueiros tem até o Leiteiro e o Dos Pit Bulls. A lista, entretanto, não para nesses nomes. Tem também o Uber, o Topera e quatro Zés, todos eles conhecidos. Tem o Da Mix (que já é vereador e foi presidente da Câmara), o Do Pote, pelos seus trabalhos com cerâmica, o do Prato (mas não o original, grande narrador de rodeio já é falecido) e o do Posto. Lá do Va Ver. Só os que têm “professor” no ‘nome artístico’, ou de urna, são 16 candidatos. Alguns se apresentam com nomes que tentam pegar carona em alguma expressão ou em algum nome famoso.  Alguém consegue imaginar o Caminhão do Vinho chegando para uma sessão?
Neste ano, pelo menos, não se viu na listagem do TSE, entre os candidatos a vereador, em Limeira, nenhum assinando o sobrenome Bolsonaro. Mas é sempre interessante, pelo menos, registrar alguns desses nomes, pois fazem parte do folclore da política. A Tribuna de Limeira checou, de A a Z, todos os nomes e os que traziam algum apelido no nome, que é que vai estar registrado na urna eletrônica. E por falar em sobrenome, ninguém assinou Lula também.
Limeira, para quem conhece um pouco da história política da cidade, sabe que Vaca Preta foi um nome – ou apelido – bastante conhecido entre candidatos a vereador. Não se sabe se o original ainda está vivo, mas neste ano tem outro Vaca Preta. Tem ainda o Bello, tem o Cantor, o Ceará, bastante conhecido e também já eleito vereador, mas tem também o Cearazinho, que pelo nome verdadeiro não tem nada a ver com primeiro. Tem também o Pardal, o Casquinha, o Vermeio e o Petteka. E para quem quiser saber mais, tem também o Do Caminhão do Vinho e o Pimba, este, com certeza, vai aproveitar o grito de gol do narrador Edmar Ferreira, nas suas transmissões do Galo, do Leão e também nas cestas de basquete de Nézinho e companhia. E, para encerrar, vamos de Lero e Fora de Giro. Há muitos outros, mas também bastante comuns para serem citados. E para quem quiser dar um “rolê” pelos nomes dos candidatos, basta buscar no site do TSE (tse.jus.br), entrar em Eleitor e eleições, Contas eleitorais, Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais, consultando por regiões, que vai chegar até Limeira.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*