MUNDO DIGITAL: Internet gratuita chega a áreas públicas na cidade

MUNDO DIGITAL: Internet gratuita chega a áreas públicas na cidade

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

Estar em um espaço público e, de repente precisar de uma conexão rápida, segura e gratuita a uma rede de internet wifi começa a se tornar realidade em Limeira. As praças Toledo Barros e do Museu e o Paço Municipal já disponibilizam os totens de acesso e o usuário já pode experimentar esse avanço do mundo digital. Quem conta à Tribuna de Limeira é o secretário de Comunicação Social da prefeitura, e autor da proposta que deu origem ao Projeto de Lei aprovado pela Câmara, Antonio Peres. De acordo com Peres, o Conecta Limeira é um dos mais importantes projetos do Plano de Governo da administração Mario Botion (PSD), que avança em sua concretização.
Segundo o secretário, trata-se de um projeto de grande alcance social, sem custos para o Município de Limeira, e que vai facilitar a vida de muita gente. “No Paço Municipal, por exemplo, os espaços que já oferecem o acesso gratuito à internet estão na Sala do Empreendedor, nas secretarias de Mobilidade Urbana e de Urbanismo e no Departamento Tributário”, contou o titular da pasta. São, de acordo com ele, áreas de grande circulação de usuários, que serão beneficiados com o novo serviço. Na Praça Toledo Barros, por exemplo, há um totem ao lado do coreto. Ao todo, o projeto piloto está demarcado para 15 pontos do município, mas que podem sofrer alterações conforme as necessidades técnicas, conforme constou no chamamento público, que culminou com a contratação da empresa Hostfiber, numa contrapartida para exploração de espaços publicitários no município, “daí a inexistência de custo do projeto para Limeira, pois se trata de uma parceria”, lembrou o titular da Comunicação Social.

SEGURANÇA
A Tribuna questionou o secretário sobre a segurança do usuário, ao compartilhar seu CPF para se conectar à rede, que é pública e gratuita. De acordo com ele toda as informações são criptografadas e protegidas pelo sistema “ExpressWifi by Facebook”. “Trata-se de uma parceria que vai garantir internet gratuita para a população limeirense e seu tempo de duração é indeterminado”, explicou Peres. O Parque Cidade de Limeira, assim que for reaberto, também contará com o serviço.
Já o prefeito, ao falar sobre o Conecta Limeira, disse à Tribuna que a ideia foi estabelecida no plano de governo prioritariamente devido a tendência definitiva no cenário tecnológico mundial de uso dessas tecnologias móveis. “A evolução tecnológica por meio da internet é uma realidade e precisamos disponibilizar meios para que a inclusão digital seja facilitada”, afirmou Botion. Além disso, de acordo com ele a segurança do projeto está na lei municipal, que prevê que as alterações podem ser realizadas por meio de decretos específicos para cada fase do Conecta Limeira. “As alterações e os saltos tecnológicos seguem ritmo próprio e precisamos atualizar constantemente as iniciativas nesse setor”, lembrou.
Botion concluiu, afirmando que o acesso ao ciberespaço está integrado cada vez mais ao convívio das sociedades e a grande maioria das ações cotidianas contemporâneas passam pelo mundo virtual. “Por ser um serviço fundamental para o exercício da cidadania, o Poder Público, em especial, o municipal, será parte integrante no fomento para uso dessas ferramentas de forma gratuita e livre”, enfatizou. Ainda de acordo com ele, a iniciativa visou produzir uma forma inovadora de parceria com players do setor de tecnologia por meio de retorno institucional para a empresa em espaços publicitários. “Isso possibilitou implantar o Conecta Limeira sem custo para os cofres públicos proporcionando internet gratuita para a população e nesse projeto piloto, na Praça Toledo Barros, Praça do Museu, Paço Municipal e Parque Cidade depois, com a consolidação dessa primeira etapa, iniciar outro chamamento para expandir para outras regiões do município”, finalizou Botion.

Lei garante o wifi gratuito
A operação do projeto, conforme a Secretaria de Comunicação Social, foi regulamentada por meio do Decreto Municipal nº 364/2018 e da Lei Municipal nº 6.037/2018. E a empresa que está desenvolvendo o projeto, em forma de parceria, é Hostfiber, empresa especializada em soluções em fibra óptica e uma das gigantes do segmento, vencedora do Chamamento Público nº 02/2019.
No seu projeto constam, ainda, os bairros Jardim Lagoa Nova, Ipanema, Santa Adélia, Esmerada, Morro Branco, Morro Azul, Piratininga, Santo André, Vila Piza, Ouro Verde, Santa Eulália, Parque das Nações, Campo Belo e Novo Horizonte. E seus pontos localizados em centros comunitários, academias ao ar livre e áreas de lazer. E nas duas etapas de expansão serão levados em consideração capacidade técnica do local, proximidade dos próprios públicos, facilidade de pontos de energia e garantia de segurança para os equipamentos. (Antonio Claudio Bontorim)

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*