Dá para esperar algo?

Dá para esperar algo?

Com todos os votos de boas festas e feliz ano novo devidamente dirigidos aos destinatários, uma pergunta é necessária: dá para esperar algo de 2020? O ano, que já vai pela sua segunda semana, está muito novo ainda, mas as expectativas são, invariavelmente, carregadas de boas energias, na esperança de que algo de novo de fato aconteça, para tirar o marasmo de 2019, que embora já tenha passado, ainda traz reflexos de um “ano perdido”.
Acreditar e torcer a favor, que foi um mantra nas redes sociais difundido pelos eleitores de Jair Bolsonaro (sem partido), não significa assinar um cheque em branco e entrega-lo ao credor sem saber como será utilizado; ou passar uma procuração registrada e com firma reconhecida para que em nome de todos se cometa toda e qualquer espécie de atitude indevida. É bom lembrar, nesse ponto, que uma crítica bem fundamentada vale mais que todas as bajulações e aplausos, quando se fala em responsabilidade moral, política, social, econômica e, principalmente, responsabilidade sobre os destinos de toda uma nação e não apenas para parte dela.
Mas a esperança sobre mudanças e as expectativas por melhores condições a todos, podem dar uma resposta positiva à questão inicial, sobre 2020. Por enquanto é preciso entender que a novidade, infelizmente, não se concretizou e nada mudou em relação a outros governos. O que não significa, entretanto, que se tenha, necessariamente, que ser pessimista. Mesmo por que os votos de feliz e próspero, ao ano novo que já chegou, tem uma carga muito forte de simbolismo, por si só otimista. Pois apesar de serem palavras e expressões contidas em momento de festejos, reflete verdadeiramente o sentimento das pessoas e seus próprios desejos.
Se há uma esperança por parte das pessoas, e essas pessoas lutam diariamente para torna-la real e concretizá-la, é preciso que aqueles que detêm o poder transformem suas ações em prática, também diária, de governar uma nação e não apenas interesses pessoais.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*