SEM PUBLICIDADE: Vacinação contra gripe começa fraca

SEM PUBLICIDADE: Vacinação contra gripe começa fraca

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

Sem qualquer investimento do governo federal em campanhas de conscientização sobre a importância da imunização, a campanha nacional de vacinação contra a gripe de 2019 teve início na última quarta-feira, 10, de forma bastante tímida. Sem filas e com movimentação normal, os 16 pontos de vacinação, em Limeira, não tiveram movimento mais intenso, como em anos anteriores. A reportagem da Tribuna de Limeira percorreu vários desses pontos e nenhuma anormalidade foi constatada. Em anos anteriores, mesmo com as campanhas tradicionais via rádio e TV – que neste ano não acontecem – os números dificilmente atingia os seus objetivos, espera-se, neste ano, um resultado mais fraco ainda. Assim como o Brasil ter perdido a certificação de país livre do sarampo, também em 2019, a vacinação contra a gripe pode resultar em baixa adesão.
O problema só não é mais grave, de acordo com especialistas, por que as prefeituras – pelo menos boa parte delas – investem em informação, mantendo os órgãos de mídia municiados com os dados municipais mais importantes. São, entretanto, veiculações jornalísticas, que contam com o apoio dos jornais, uma vez que não há campanha publicitária nesse sentido. Já as principais campanhas pelas mídias eletrônicas tradicionais (rádio e TV) estão paralisadas. Em Limeira, a mídia impressa vem dando suporte à divulgação, produzindo matérias sobre o tema, com entrevistas a profissionais de saúde e, principalmente, dos envolvidos com a saúde pública, para que os resultados sejam satisfatórios.
Na próxima quarta-feira, 17, conforme a Secretaria de Comunicação Social informou à Tribuna, deverá ser divulgado o primeiro balanço sobre o início da campanha. Na manhã da sexta-feira, 12, a reportagem da Tribuna voltou a percorrer alguns pontos de vacinação, na sede da Vigilância Epidemiológica e o movimento era bem diferente de outros anos, quando havia a campanha do governo federal, alertando sobre a necessidade de vacinação contra a gripe. Pincipalmente para o público idoso. “Sem uma divulgação maior, poderemos ficar bem abaixo das metas, que mesmo em anos anteriores não atingiam os números esperados”, afirmou um agende de saúde, que pediu para não ser identificado.
Segundo a nota da Secretaria de Comunicação Social, para poder tomar a vacina é preciso se dirigir a um dos 16 pontos disponibilizados pela prefeitura. São 15 Unidades Básicas de Saúde, além da sede da Vigilância Epidemiológica, que fica na Av. Ana Carolina de Barros Levi, 650. O atendimento ocorre das 7h30 às 11h e das 12h30 às 16h. É necessária, ainda, a apresentação da caderneta de vacinação e, as pessoas com doenças crônicas dentro do público alvo prioritário, devem levar receita com indicação do medicamento do qual fazem uso ou carta médica indicando a CID (Classificação Internacional de Doenças). “O procedimento é contraindicado para bebês menores de seis meses e para pessoas que já apresentaram reações anafiláticas em aplicações anteriores ou após ingestão de ovo”, afirma a nota.  Devem ser vacinadas no município aproximadamente 61 mil pessoas que integram os chamados “grupos prioritários”, são eles: crianças de seis meses a menores de seis anos (cinco anos, 11 meses e 29 dias), idosos (a partir de 60 anos), gestantes, puérperas (mulheres que tiveram filhos nos últimos 45 dias), trabalhadores da saúde, professores, povos indígenas, jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, funcionários do sistema penitenciário, indivíduos privados de liberdade e pessoas com doenças crônicas. A meta, para este ano, é vacinar 72,4 mil limeirenses.

Confira os locais de vacinação contra a gripe

Unidades Básicas de Saúde Endereço
Planalto Rua Prof. Ely A. Campos, s/nº
Vista Alegre Rua Alberto Pelegrino, s/nº
Cecap Av. Fausto E. dos Santos, s/nº
Jd. Aeroporto Rua Antonio de Luna, s/nº
Jd. Nova Europa Elisa Stalberg, 366
Nossa Senhora das Dores 1 Av. Frei João das Mercês, 50
Nossa Senhora das Dores 2 Av. Vitório Bortolan, s/nº
Morro Azul Rua Oswaldo Bertolini, 500
Pq. Hipólito 1 Rua Arlinda Abreu Ribeiro s/nº
Abílio Pedro Rua Agostinho Gianoto, s/nº
Graminha Rua Luis Pereira do Prado, 156
Nova Limeira Rua José Fontanin, 179
Nova Suíça Rua Vereador Samuel Berto, s/nº
Novo Horizonte Rua Nelson F. da Silva, s/nº
Tatu Rua Alberto Pelegrino, s/nº
Vigilância Epidemiológica Av. Ana C. B. Levy, 650

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*