EM LIMEIRA: Vagas do Mais Médicos preenchidas

EM LIMEIRA: Vagas do Mais Médicos preenchidas

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

Desde quarta-feira, 21, os médicos cubanos do Programa Mais Médicos não atendem mais em Limeira. Na sexta-feira, 23, eles embarcaram de volta a Cuba, o país de origem. O problema é consequência do posicionamento do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), que já durante a campanha tinha mostrado a intenção de acabar com o programa, pelo menos em relação aos profissionais daquele país centro-americano. Pelo posicionamento de Bolsonaro e as declarações dadas há duas semanas, Cuba rompeu unilateralmente o contrato, antes que os mais de oito mil profissionais que atuam no Brasil fossem expulsos do país. Limeira contava, ainda, com 38 médicos, que atendiam nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde), na atenção básica. No final da tarde, em nota através da Secretaria de Comunicação Social, prefeito Mario Botion informou que as 38 vagas deixadas pelos médicos cubanos já haviam sido preenchidas no edital do Ministério da Saúde.
Durante a semana, a Tribuna de Limeira procurou o secretário de Saúde, Vitor Santos, que através da Secretaria de Comunicação Social afirmou que os 38 profissionais da saúde deixaram o município. De acordo com ele, outros nove, também do Mais Médicos, que são brasileiros, permanecerão atendendo normalmente. “Há dez médicos cubanos casados com brasileiros e brasileiras, que poderão continuar, mas a decisão será pessoal, uma vez que eles não são mais contratados do programa federal e, portanto, estão desempregados”, lembrou Santos.
Segundo o secretário da Saúde, a pasta já está trabalhando no remanejamento dos nove brasileiros e de outros 18 profissionais que atuam na Atenção Básica como clínico geral. “Há um concurso público em andamento para a área de saúde, porém no segmento de especialidades”, comentou. Santos lembrou, também, que o próprio Ministério da Saúde já publicou edital com mais de 8,5 mil vagas, para o Programa Mais Médicos, que é o número de profissionais que deixarão o Brasil até o final do ano.
No final da tarde e início de noite da sexta-feira, 23, em nota distribuída pela Secretaria de Comunicação Social, o prefeito Mario Botion informou que todas as 38 vagas do novo Edital do Programa Mais Médicos previstas para o município de Limeira já foram preenchidas. O edital para contratação de médicos foi aberto pelo Ministério da Saúde na última terça-feira, 20, depois que o governo Cubano anunciou o encerramento da participação no Programa. “Com esse resultado, esperamos suprir o mais rápido possível as vagas deixadas pelos profissionais cubanos”, finalizou Botion

HÁ 5 ANOS
Os primeiros médicos cubanos chegaram em Limeira em 2013, junto com a criação do Programa Mais Médicos. Foram52 profissionais ao todo, para atender em todas as unidades de saúde, na atenção básica. Em 2016 começou a substituição, também por cubanos, dentro do processo natural daquilo que previa o programa federal. Alguns foram substituídos por brasileiros, que começaram a se interessar mais pelo programa e, nos últimos meses, o número de médicos cubanos caiu para 38, além dos nove brasileiros.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*