A PARTIR DESTA TERÇA-FEIRA: Voto em trânsito pode ser solicitado

A PARTIR DESTA TERÇA-FEIRA: Voto em trânsito pode ser solicitado

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

A partir desta terça-feira, 17, e até o dia 23 de agosto, os eleitores que pretendem votar em trânsito podem se habilitar pelara a Justiça Eleitoral, indicando o local em que pretende voltar e, ainda, alterar ou cancelar sua habilitação caso já a tenha requerido. A informação consta do Calendário Eleitoral 2018, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), válido para as eleições de outubro. Nesse mesmo período, segundo o calendário, os eleitores com mobilidade reduzida ou deficiência também poderão se habilitar para votar em outra seção ou local de votação do município. É neste período, também, que será possível a transferência de eleitores para as seções instaladas especificamente para o voto dos presos provisórios e adolescentes internados.
Segundo o calendário do TSE, os comandos dos órgãos aos quais estiverem subordinados os membros das Forças Armadas, as policias federal, rodoviária e ferroviária federais, civis, militares (entre eles o Corpo de Bombeiros) e as guardas civis municipais, que estiverem em serviço no dia da eleição podem, também da próxima terça-feira, 17, até 23 de agosto, encaminhar listagem para a Justiça Eleitoral para que esses agentes votem em trânsito. Os tribunais eleitorais também estarão divulgando, através da internet, neste mesmo período e atualizando periodicamente até 23 de agosto, os locais onde haverá voto em trânsito. “A partir da próxima terça-feira, 17, será disponibilizada também na internet, e com atualização diária, locais de votação com vagas para transferência temporária de militares, agentes de segurança pública e guardas municipais em serviço para votarem em trânsito”, aponta o TSE.

CONVENÇÕES
Os partidos políticos terão, da próxima sexta-feira, 20, até o dia 5 de agosto, o período para realizar as convenções destinadas a deliberar sobre as coligações e escolher os candidatos. São os seguintes cargos que estão em disputa: presidente e vice-presidente da República, governador e vice-governador, senador e respectivos suplentes, deputado federal, deputado estadual ou distrital. A partir do próximo dia 20 de julho, também, conforme deliberação do TSE, é “assegurado o exercício do direito de resposta ao candidato, ao partido político ou à coligação atingidos, ainda que de forma indireta, por conceito, imagem ou afirmação caluniosa, difamatória, injuriosa ou sabidamente inverídica, difundidos por qualquer veículo de comunicação social. Vale lembrar que, em decisão recente, o próprio TSE liberou as sátiras políticas com as imagens dos candidatos, respeitando-se assim o direito à liberdade de imprensa e de criação artística.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*