Editorial

Editorial

Hora de avaliar

Câmara tem 29% de aprovação, diz Indsat. Essa pesquisa, cujos resultados estão nos Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos, e que foi a manchete da Tribuna de Limeira em sua última edição, é reveladora. Apesar de parecer um índice baixo, coloca o município como o detentor do quarto melhor Poder Legislativo do Aglomerado Urbano de Piracicaba, entre os 12 que dele fazem parte. Fica atrás de Araras, Iracemápolis e Cordeirópolis, mas à frente de Rio Claro e Piracicaba.
Aliada aos índices apresentados no quesito regular, a aprovação não é ruim e merece, sim, ser comemorada pela instituição, principalmente num momento em que os políticos amargam baixíssimos índices de aprovação e a classe está cada vez mais desgastada perante a opinião pública. E o mais interessante, que nenhum dos poderes legislativos analisados conseguiu alto grau de satisfação e muito menos grau de excelência.
Vale lembrar, entretanto, que os parâmetros dessa pesquisa dão a devida e exata noção que um dirigente político precisa para tentar aumentar esse índice e contribuir, definitivamente, para o bem comum.
A lição que deve tirar, nesse caso o presidente da Casa, vereador Zé da Mix (PSD) e seu alto escalão, é que é possível melhorar essa aprovação, indo ao encontro dos anseios da população, mas sem se deixar levar pelo casuísmo, embalado no populismo do “maria-vai-com-as-outras”. É preciso ser claro nas propostas e mostrar, principalmente, o mais alto grau de comprometimento com a realidade, exercendo devidamente o trabalho que lhe cabe: a fiscalização do Poder Executivo e a elaboração de leis que atendam as reais necessidades do povo. E isso se faz com transparência. E Zé da Mix sabe disso. Então vamos à prática.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*