FIM DA GREVE: Com proposta de 3% de reajuste salarial, servidores encerram movimento

FIM DA GREVE: Com proposta de 3% de reajuste salarial, servidores encerram movimento

Redação
LIMEIRA
redacao@tribunadelimeira.com.br

A Prefeitura de Limeira e Sindsel (Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos Municipais de Limeira), Sinde-Guarda (Sindicato dos Guardas Civis de Limeira e Região) e Apeoesp (Sindicato dos Professores e Ensino Oficial do Estado de São Paulo), que representam os servidores municipais celebraram, nesta quinta-feira, 5, acordo que colocou fim na greve do funcionalismo. A categoria acabou aceitando uma proposta de reajuste de 3% nos salários, além do aumento do vale-refeição no patamar de 3,13%. De acordo com nota distribuída pela Secretaria de Comunicação Social, os servidores que participaram da greve ainda poderão compensar os dias não trabalhados.
No início da manhã desta quinta-feira, conforme havia mostrado a Tribuna de Limeira, o prefeito Mario Botion (PSD) e os secretários municipais que compõem a Mesa de Negociação discutiram a possibilidade de ampliar um pouco a proposta. “Com a elevação do percentual de 2,84% para 3%, o impacto nas finanças da Prefeitura passará a ser de mais R$ 1 milhão no ano”, diz a nota. Ainda de acordo com a prefeitura, também pesou na decisão de elevar o percentual de reajuste o fato de o líder do prefeito na Câmara, Lemão da Jeová Rafá (PSC) e os demais vereadores da base de apoio ao governo terem pleiteado uma proposta de ampliar o percentual oferecido. “Houve uma solicitação importante feita pela nossa bancada”, observou Botion. O reajuste terá efeito retroativo para 1º de março.
O prefeito ainda elogiou a conduta dos sindicalistas e dos servidores grevistas durante o movimento. “Foi uma ato pacífico e reconhecemos o direito da categoria”, relatou o prefeito. A melhora na proposta de aumento, segundo o prefeito, visa ainda a garantia plena de atendimento do Poder Público aos cidadãos. “Gostaria de poder ter oferecido um aumento maior aos servidores, mas a situação financeira do município e as dificuldades orçamentárias exigem responsabilidade da nossa parte”, finalizou.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*