Agasalho 2018: Campanha quer aumentar doações

Agasalho 2018: Campanha quer aumentar doações

Antonio Claudio Bontorim
LIMEIRA
claudio.bontorim@tribunadelimeira.com.br

Aumentar o número de doações feitas, com a expectativa de superar 2017, quando 110 mil peças foram arrecadadas. Esse é o objetivo da Campanha do Agasalho 2018, lançada oficialmente na manhã da última quinta-feira, 26, no Teatro Nair Bello, através do Fundo Social de Solidariedade e Ceprosom (Centro de Promoção Social Municipal). Durante a cerimônia, foram anunciadas algumas novidades, como do Dia D, que acontecerá no dia 19 de maio e a participação de agentes comunitários de saúde e da Zoonose, que durante todo o mês de maio e junho estarão, durante suas visitas rotineiras, fazendo a divulgação da campanha. Com o tema “O agasalho que você doa, aquece quem precisa”, o espírito de solidariedade foi lembrado por todos os oradores, no sentido de enfatizar a importância do gesto e do que ele representa para as pessoas que vão receber as doações.
Neste ano, de acordo o diretor de Propaganda da Secretaria da Comunicação Social, Renato Fabregat, que fez a apresentação inicial de toda a campanha, serão 250 postos de arrecadação, distribuídos pelo município entre empresas de comércio, farmácias, associações, supermercados, shoppings, igrejas entre outros. De acordo com ele, os meios de comunicação, tanto impressos quanto eletrônicos, também participarão, doando espaço publicitário, igual ao publicado na capa desta edição da Tribuna de Limeira, durante toda a campanha. “Mídias sociais oficiais, sites entre outras ferramentas de divulgação também farão ações contínuas de divulgação”, explicou. No site da prefeitura, por exemplo, há um mapa com a geolocalização de todos os pontos de entrega. Mais uma vez, os atiradores do Tiro de Guerra, que também estiveram no lançamento, e os escoteiros do Grupo Tatuibi, participarão da campanha.

SOLIDARIEDADE
O primeiro a falar foi o chefe do Grupo Escoteiro Tatuibi, Paulo Eduardo Ferreira, que lembrou que a campanha exorta o espírito de solidariedade. Já o vice-prefeito, Dr. Júlio (DEM), disse que o “frio dói e tudo que pudermos fazer para aliviar esse sofrimento dos menos favorecidos é uma questão de amor”. A primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Roberta Franceschi Botion, afirmou que é preciso “abrir o armário e o coração”, lembrando que as peças devem estar em bom estado. “Cobertores, edredons e roupas de bebês continuam sendo nossa maior demanda”, finalizou. Neste ano, as peças serão distribuídas conforme forem sendo arrecadadas. E, finalmente, o prefeito Mario Botion lembrou que é necessário pensar no próximo e que tem muita gente precisando dessas doações. Em seguida, ele chamou um aluno da Escola Limeira, que deu um depoimento sobre o que está sendo feito na escola, para que as doações aumentem cada vez mais.
Para encerrar a cerimônia, representantes de algumas empresas participantes fizeram as primeiras doações à campanha, seguindo o gesto do prefeito e da primeira-dama. Participaram ainda o presidente da Câmara, Zé da Mix (PSD), vereadores, secretários municipais, conselheiras do Fundo de Solidariedade e representante do TG 02-020, sargento André Luiz Dias. A Campanha do Agasalho 2018 segue até o dia 29 de junho.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*