Breve história

Breve história

Para aqueles que apostaram no insucesso e na fragilidade de um teto de vidro que a qualquer momento seria estilhaçado por uma pedra, a Tribuna de Limeira chega ao seu segundo ano de existência mais forte do que muitos queriam (e querem), com uma linha editorial bem definida e seriedade dos profissionais que nela atuam. Não foram poucos aqueles que em algum momento atacaram o jornal, batendo em teclas quebradas pela falta de consistência de sua matéria-prima e, principalmente, se utilizando da covardia como elemento recorrente para estes ataques. Agora, assistem atônitos ao avanço do jornal, que tem no respeito à ética da informação uma obrigação com seus leitores, assinantes e anunciantes.
Ninguém chega onde a Tribuna chegou por acaso. Isso é fruto de um trabalho sério e consistente, que não bajula e não quer ser bajulado. E está apta a reconhecer seus próprios erros, quando necessário, uma vez que essa característica atesta seu compromisso com a verdade. Quem não sabe reconhecer seus erros, não pode propagar seus acertos. Nestes dois anos, este jornal vem preenchendo uma lacuna existente na mídia limeirense e sua marca já é reconhecida na cidade, o que fundamenta seu desenvolvimento. Nem mesmo sua circulação, como semanário impede sua equipe de buscar fatos novos e, em muitos casos, protagonizar a informação.
Neste curto período de vida, a Tribuna faz do respeito com outros segmentos da mídia da cidade seu maior exemplo. Não se furta em citar qualquer um dos veículos de comunicação, quando necessário, para mostrar a origem da informação que publica. Mesmo porque, não faz mais que sua obrigação e merece a citação para entrar no seleto grupo daqueles que sabem reconhecer a importância do outro, não importando quem seja. A Tribuna, porém, não se acomoda e já vislumbra projetos para o seu terceiro ano, que se inicia com esta edição. São projetos ousados, mas sem tirar os pés do chão e se fortalecendo em bases sólidas, para que não venha desmoronar lá na frente. Por isso, queremos dividir nosso trabalho, nosso entusiasmo e nossa felicidade com todos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*