Fora de Expediente

Fora de Expediente

Antonio Claudio Bontorim
Danilo Janine
LIMEIRA
redação@tribunadelimeira.com.br

Vem queixa logo
A regulamentação do Uber em Limeira aprovada pela Câmara na sessão da última segunda-feira, 25, desagradou taxistas, como já era esperado. E, futuramente, vai desagradar usuários e até mesmo a plataforma, que poderá não ser tão atrativa assim.

Regras excessivas
O excesso de regulamentação, que assola o país, é um dos maiores entraves ao desenvolvimento. Seja ele tecnológico ou não. E pelo andar da carruagem vão acabar transformando o Uber em táxi, serviço que já existe.

Enxergar longe
O diferencial do serviço, que agrada usuários e é bastante atrativo do ponto de vista econômico, vai acabar na vala comum do que já é conhecido.

Sai papel, entra…
Os vereadores aprovaram também o novo Jornal Oficial Digital do Município. Está decretado, assim, o fim do impresso, que deve acontecer, conforme adiantou o secretário de Comunicação, Antonio Peres, à Tribuna, a partir da segunda quinzena de outubro.

Unidos e felizes
O STF (Supremo Tribunal Federal) conseguiu uma proeza. Uniu PT, PMDB, PSDB, entre outros partidos, na defesa do senador tucano Aécio Neves, hoje rondando o banco dos réus. Inimigos sempre, até que uma denúncia os una.

Todos iguais
E enquanto em Brasília todos ficam nessa de entre tapas e beijos, os militantes preferem só os tapas.

Ao vivo e as cores
E falando de política em Brasília, na terça-feira, 26, o prefeito Mario Botion (PSD) aproveitou a liberação de verbas de aproximadamente R$ 9 milhões do Ministério da Educação para obras em escolas de Limeira, para fazer uma transmissão ao vivo direto da capital federal promovendo, além da conquista do dinheiro, é claro, o deputado Miguel Lombardi (PR), quem ele disse ser o responsável pela liberação.

Mudança de ares
Ex-vereador Ceará, novamente envolvido com loteamentos populares, deixou o DEM. Em nota, ele afirmou não querer a “obrigação partidária de ter que apoiar” o candidato indicado pelo partido nas eleições do próximo ano.

De volta à vida pública
Aos poucos, o ex-prefeito Silvio Félix (PDT) vai retornando a vida pública. Em visita à Tribuna na última semana acompanhado da mulher, a vereador Constância Félix (PDT), ele não poupou críticas ao governo Botion, ao ex-prefeito Paulo Hadich (PSB) e a Ronei Martins (PT). Vale lembrar que os três foram os principais articuladores do processo que terminou com a cassação de Félix.

Alvo principal
O alvo principal, é claro, foi o Botion – que está no poder –, que ele disse “não ter visão de governo”.

Criador e criatura
Félix também afirmou que “a má gestão de Hadich foi quem criou Mario Botion” e negou que a família Félix tenha sido “ressuscitada” por esse mesmo governo Hadich.

Se a moda pega…
A ideia do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), condenado e preso por corrupção passiva, lavagem de dinheiro, entre outros crimes, reativou na quarta-feira, 27, sua conta no Facebook para lembrar as realizações de seu governo (2007 a 2014) e pedir apoio (não se sabe certo ao que) aos eleitores, não saiu bem como ele esperava e, ao invés do apoio, críticas e mais críticas foram registradas no post.

Fenômeno nacional
Em Limeira, com a popularização das redes sociais, são comuns casos de políticos sendo cobrados ou criticados na internet. Uns optam por responder no mesmo tom das críticas, já outros são mais polidos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*